O Segundo Evangelho

O Evangelho Segundo Marcos, o segundo dos quatro evangelhos (de Mateus a João). A mensagem do evangelho de Marcos é capturada em um único versículo: “Pois o próprio Filho do homem não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate por muitos” (10:45).

Capítulo por capítulo, o livro desdobra o duplo enfoque da vida de Cristo: serviço e sacrifício. Marcos retrata Jesus como um Servo em movimento, instantaneamente responsivo à vontade do Pai. Pregando, ensinando e curando, Ele atende às necessidades dos outros até o ponto da morte. Após a ressurreição, Ele comissiona Seus seguidores a continuar Sua obra em Seu poder – servos seguindo os passos do Servo perfeito.

O título antigo para este evangelho era Kata Markon, “Segundo Marcos”.

O autor é mais conhecido pelo seu nome latino Marcus, mas nos círculos judaicos ele foi chamado pelo seu nome hebreu João. Atos 12:12,25 referem-se a ele como “João, cujo sobrenome era Marcos”.

Autor

Embora o Evangelho de Marcos não identifique o seu autor, os pais da igreja primitiva concordam por unanimidade que Marcos foi o autor. Ele era um associado do Apóstolo Pedro e evidentemente o seu filho espiritual (1Pd 5:13). De Pedro ele recebeu informações de primeira mão dos acontecimentos e ensinamentos do Senhor, e preservou essas informações em forma escrita.

É geralmente aceito que Marcos é o João Marcos do Novo Testamento (At 12:12,25). Sua mãe era uma Cristã rica e proeminente na igreja de Jerusalém e a igreja provavelmente se reunia em sua casa. Marcos se juntou a Paulo e Barnabé em sua primeira viagem missionária, mas não na segunda por causa de um forte desentendimento entre os dois (At 15:37-38). No entanto, perto do final da vida de Paulo ele pediu a Marcos para ficar com ele (2Tm 4:11).

Quando foi escrito

O Evangelho de Marcos foi provavelmente um dos primeiros livros escritos no Novo Testamento, provavelmente em 57-59 dC.

Esboço

O livro de Marcos pode ser dividido da seguinte forma:

  • Prólogo (1:1-15)
    • Pregação de João Batista (1:1-8)
    • Começo do ministério de Jesus (1:9-15)
  • Jesus, o Messias (1:168:30)
    • Atividades e ensimentos de Jesus (1:163:12)
    • Proclamação do Reino de Deus (3:136:6)
    • Jesus se revela como o Messias (6:78:30)
  • Jesus, o filho do Homem (8:3116:20)
    • Jesus anuncia sua morte (8:3111:11)
    • Atividades de Jesus em Jerusalém (11:1213:37)
    • Paixão, morte e ressureição (14:116:20)

Propósito

Embora Mateus tenha sido escrito principalmente para seus irmãos judeus, o Evangelho de Marcos parece ser direcionado aos crentes romanos, particularmente os gentios. Marcos escreveu como um pastor para os cristãos que já tinham ouvido e acreditado no Evangelho (Rm 1:8). Ele desejava que eles tivessem uma narrativa biográfica de Jesus Cristo como Servo do Senhor e Salvador do mundo a fim de fortalecer a sua fé diante da perseguição severa e ensinar-lhes o que significava ser Seus discípulos.

 

Fontes

  • Introdução traduzida de New King James Version® Copyright © 1982 by Thomas Nelson
  • Got Questions